0

Kawasaki Ninja H2R tem preço de R$ 350 mil e é a moto mais cara do Brasil

O modelo custa R$ 350 mil e é a moto mais cara do Brasil.

Com 326 cavalos de potência, o modelo será vendido apenas por encomenda nas concessionárias e a expectativa da empresa é comercializada apenas 1 unidade no país.

A previsão de chegada ao país é para junho.

A Ninja H2R é uma versão de rua da esportiva H2, que custa R$ 144 mil e foi lançada no ano passado no país e pode rodar nas ruas, com 210 cavalos de potência.

Kawasaki H2R (Foto: Divulgação)
Kawasaki H2R tem detalhes que parecem asas (Foto: Divulgação)

Motor com supercharger
Além de chamar atenção por fazer uso de supercharger, compressor de ar, em seu motor de quatro cilindros e 998 cc, outra novidade da moto é a utilização de pequenas “asas” em suas carenagens de fibra de carbono para otimizar o efeito aerodinâmico.

O modelo é um dos mais velozes da atualidade, mas a empresa não divulga sua velocidade máxima.

A potência gerada pela H2R supera por muito a das principais motos esportivas, que possuem em média 200 cavalos. Até mesmo alguns carros esportivos ficam para trás da H2R quando se fala em “cavalaria”.

Por exemplo, um Porsche Boxter, com motor 2.7, gera 265 cavalos, enquanto Mercedes-Benz SLK 250 Turbo 1.8 rende 204 cv.

Chassi para altas velocidades
A Kawasaki afirma que o chassi da H2R foi desenvolvido para suportar altas velocidades com estabilidade. Com um entre-eixos compacto, o formato escolhido foi o de treliça feito de aço de alta tensão. Como não pode rodar nas ruas, o modelo não possui luzes de posição.

 

FONTE: G1 CARROS

topcarros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *